Filho do tempo…

13 02 2008

Sou um jovem de idade, mas de espírito maduro e livre…

Por mais que eu queira e corra atrás, o meu querer tem um limite que eu determino… Uma resistência e persistência que vão de acordo com a minha vontade [de viver; ou não]…

O tempo não pára… e como um bom filho do tempo, eu também não!

“Tenho que voar, amor!”

Anúncios

Ações

Informação

2 responses

13 02 2008
Marcelo Mendonça

Sempre em frente

13 02 2008
alfredo dorea

Nem pode parar, senão pára a night, pára a Bahia, pára o mundo.
E ninguém tá querendo descer.
Continue voando e nos fazendo voar MUITO
Bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: