Um poema de saudade

9 06 2008

Se eu tiver uma observação a ser feita sobre um amor que partiu, que irá me ouvir?

Nunca achei que usaria a palavra observação em um poema.

Enfim, a vida tem de ser assim… idas e vindas…

Não quero rimar nada aqui hoje.

As rimas me trazem lembranças.

Quando eu lembro, eu fico triste e com saudades.

Eu não quero lembrar.

Saudade é um sentimento bom a depender da distância relativa entre os corpos em questão.

Nunca achei que usaria a palavra questão em um poema.

A tristeza é pontual, apenas para lembrar da saudade e da distância.

Um poema frio e pontual.

A tristeza me inspira.

Alguém precisa me escutar de longe.

Agora, sem perder mais tempo, vou ouvir e conversar com o vento.

Anúncios

Ações

Informação

4 responses

11 06 2008
Marcelo Mendonça

JOgou!

12 06 2008
fabão

nunca pensei q pudesse usar a palavra alegria em um poema…ainda não usei

17 06 2008
Prisci

Vento é uma boa descrição para os Fragmentos de nós quando sentimos saudade…Vc é Demais Vini!!!!!

16 07 2008
Carlos Henrique

A tristeza realmente inspira.
Curti demais o e os poemas.Visitarei o blog sempre.

Abraço.
Henrique

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: