Oxum

29 06 2010

“Quando a tristeza invade meu peito eu clamo a OXUM.
Quando as lágrimas invadem meu rosto eu clamo a OXUM.
Quando a dor é maior q meu espirito eu clamo a OXUM.
Minha poderosa Mãe do espelho e das águas,
Minha rainha soberana da doçura e do amor.
Tenha piedade dos que sofrem e choram.
Que o tempo do seu rio se apresse
em trazer a esperança e a alegria.
Minha senhora dona dos céus azuis,
das pedras, dos seixos, da beleza
e das águas límpidas como a paz.
Que seu espelho revele a sorte
nos meus passos errantes,
que suas mãos frágeis e delicadas
sejam o conforto em minha caminhada.
Que eu seja bendita(o) em seu coração de mãe!
Ora yeye minha doce e Amada Mãe Oxum!!!”

Anúncios

Ações

Informação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: